Blog

Maud Tephany | Vessels or the reclamation of useless

A Galeria Foco apresenta « VESSELS or the reclamation of useless », uma exposição de Maud Téphany.

A colecção intitulada « VESSELS or the reclamation of useless » é uma série de peças antropomórficas produzidas entre 2018 e 2019, inspirada inicialmente pela morfologia das ânforas e as suas características tipológicas como lábio, colo, bojo ou pé.

VESSELS impõe-se como um conjunto escultural. A escolha do grês, enquanto material, conferindo um aspecto lítico às peças, realça a sua natureza mais do que a função imposta. Não existe nenhum artifício. As peças não receberam vidrado. Minimizou-se a intervenção.

VESSELS é um teatro de formas geométricas e mudas, que coabitam num plano de fundo horizontal. Elas desenham uma paisagem de expectativa. Elas carregam certos estigmas de fabricação, construção e repetição. Elas encerram na sua forma, uma função que se esquece.

VESSELS abandona o seu conteúdo e por essa razão a sua função de contentor; uma matéria orgânica, mole e colorida dissemina-se em redor. O objecto deixa de «servir » para se «re/presentar».

Maud Téphany
Licenciada em Design Gráfico e Web. Formou-se em cerâmica em 2012, em Lisboa. Desde aí, desenvolveu projetos como “Red Balloon” – série de balões suspensos (inspirado na obra de Albert Lamorisse – Le Ballon Rouge, 1956) ou “Ice Cream” – uma instalação de 100 gelados pendurados numa parede, apresentada no âmbito da Experimenta Design 2015.
Abriu o atelier Sedimento (http://sedimento.pt), espaço dedicado à cerâmica, em 2017. Recentemente, uma peça sua foi selecionada para a Bienal internacional de cerâmica de Aveiro 2019.

Inauguração Quinta-Feira, 11 de Julho de 2019, a partir das 19:00

11de Julho 2019 | 31 de Junlho 2019
Terça-feira até Sexta feira: 14h-19h
Sábado: 14h-18h

[EN]

Foco Gallery presents « VESSELS or the reclamation of useless », a show by Maud Téphany.

The series entitled « VESSELS or the reclamation of useless » reassembles anthropomorphic pieces, produced between 2018 and 2019. Initially inspired by the morphology of amphoras with some typological characteristics such as rim, neck, shoulder or foot.

VESSELS stand as a sculptural ensemble. The choice of stoneware casts a lithic appearance to the pieces, revealing their own nature rather then a utility, one should impose. Hence there’s no artifice, no use of glazing, and little intervention.

VESSELS is a theater of geometric and muted shapes, coexisting in an horizontal background. They draw a landscape of expectation. They bear certain stigmas of manufacture, assembly and repetition. They ultimately take the shape of a forgettable function.

VESSELS abandons its content and thus its function as containers; an organic, soft and colored material spreads along the way. The object is no longer there to “do” but to «re / present».

Maud Téphany
Originally graduated in Graphic and Web Design. She has been fully dedicated to ceramics since 2012, developing projects such as “Red Balloon” – a series of suspended ceramic balloons inspired by the movie “Le Ballon Rouge” (Albert Lamorisse, 1956) – or “Ice Cream” – a wall exhibit of 100 ceramic ice creams as part of the “Experimenta Design” 2015 edition.
In 2017 opened Sedimento Studio (http://sedimento.pt) a place for ceramic workers. Recently, one of her pieces was selected for the 2019 edition of the international biennial of ceramic art of Aveiro.

July 11th, 2019 | July 31th, 2019
Tuesday to Friday : 2pm-7pm
Saturday : 2pm-6pm

Opening Thursday, July 11th 2019, from 19pm