ana+betânia

ana+betânia

ana+betânia são Ana Cruz e Maria de Betânia (n. 1983).

Em 2007, depois de terminarem a sua licenciatura em Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, começaram a trabalhar em escultura cerâmica ao abrigo do programa de investigação em cerâmica artística da instituição.

Tendo cada uma a sua expressão individual distinta, o início do seu trajeto artístico comum dá-se em 2012, aquando da residência artística “Muel Cerámica Viva”, em Saragoça. Desde então têm trabalhado em conjunto, numa vertente conceptual associada à técnica escultórica clássica.

Em 2014 foi-lhes atribuído o 1º Prémio da Bienal d’Esplugues, com a peça “Em nome do Pai”, facto que reforçou a continuidade desta parceria e a necessidade de a expandir.

Depois dois anos como artistas residentes nas Oficinas da Cerâmica e da Terra em Montemor-o-Novo, estabeleceram-se em Caldas da Rainha com atelier individual.

As esculturas de ana+betânia estão presentes em várias coleções privadas na europa; a sua influência é marcante em Espanha e no Reino Unido.

“Mater” é a terceira exposição individual do duo em Portugal.

Paralelamente a este percurso, tanto Ana como Betânia são responsáveis por ateliers de Artes Plásticas em duas instituições de saúde mental em Lisboa.

www.anabetania.com

_________________________________________________________________________________________________________________________

ana+betânia são Ana Cruz e Maria de Betânia (n. 1983).

In 2007, after finishing their degree in Painting at the Faculty of Fine Arts of the University of Lisbon, they began to work in ceramic sculpture under the artistic ceramics research program of the institution.

The beginning of their common artistic path took place in 2012, at the artistic residence « Muel Cerámica Viva » in Zaragoza, even if each one has her own distinct expression. Since then they have been working together in a conceptual way associated with the classical sculptural technique.

In 2014 they were awarded with the 1st Prize of the “Bienal d’Esplugues”, with the piece “In the name of the Father”, which reinforced the continuity of this partnership and the need to expand it.

After two years as resident artists in the Ceramics and Clay Ateliers in Montemor-o-Novo, they settled in Caldas da Rainha with an individual studio. The sculptures of ana+betânia are present in several private collections in Europe; their influence is remarkable in Spain and the United Kingdom.

“Mater” is the third solo exhibition of the duo in Portugal.

In parallel, both Ana and Betânia develop workshops of plastic arts in two mental health institutions in Lisbon.

www.anabetania.com